Egograma download gratuito

O Egograma é um estudo baseado pela Análise Transacional. Criado por John Dusay, representa a intensidade e a freqüência dos estímulos que se originam nos Estado de Ego. Através das respostas de um questionário, traça-se um perfil onde podemos identificar tendências comportamentais e áreas de melhorias para cada indivíduo.

No egograma estão representados os órgãos psíquicos, os quais se manifestam fenomenologicamente e operacionalmente através dos três estados de Ego correspondentes, que são eles Pai (Amoroso e Crítico), Adulto e Criança (Livre e Adaptada). Os estados do ego são manifestações dos órgãos psíquicos, podendo compreendê-los da seguinte forma:

Estado de Ego Pai – Exteropsiquê (formada a partir da influência de pais, familiares e pessoas próximas)
Estado de Ego Adulto – Neopsiquê (aquisição de informações, contato objetivo com a realidade, lógica, razão e consciência)
Estado de Ego Criança – Arqueopsiquê (processos fisiológicos, experiências desde o nascimento, pensamento metapsiquico, emoções, adaptações, traumas, medos).
O estado de ego pai é o reservatório de normas e valores, de conceitos e modelos de conduta, surge no indivíduo por volta dos 3 anos de idade e suas principais fontes são os pais, (ou substitutos) e outros familiares e pessoas que convivam com a criança e tenham uma figura de autoridade e importância na vida dela. Está sujeito a influências culturais e impõe à pessoa ações, regras e programas de conduta.

O estado de ego adulto é a parte da personalidade do indivíduo que recebe informações de fora para dentro, as analisa, as compara e toma decisões baseado no seu banco de dados. É a parte racional do ser humano, que adquire conceitos pensados da vida desprovidos de influências sentimentais. Seria segundo Kertész, o hemisfério esquerdo do cérebro, nos destros. Sua função básica é trabalhar, estudar e operacionar.

O estado de ego criança surge logo que se nasce. É o primeiro estado de ego a emergir no ser humano e representa as emoções básicas como alegria, amor, prazer, tristeza, raiva e medo. Esta é a parte mais autêntica do ser humano e também a mais reprimida pela educação. Segundo Kertész(1977) representada pelo hemisfério direito do cérebro dos destros, hemisfério esse que processa os sonhos, as imagens, estimulado quando se usa a criatividade e a arte.

Para fazer o download gratuito, basta informar seu nome e o seu melhor e-mail abaixo:





Compartilhe com os amigos: